terça-feira, 4 de março de 2014

Citação 004 [Você acredita no Destino?]

"Caminhe por qualquer trilha no jardim do Destino e você será instado a escolher. Não uma, mas muitas vezes.
As trilhas se bifurcam e se dividem. A cada passo você faz uma escolha, e toda escolha resulta em trilhas futuras.
No entanto, no fim de uma vida de caminhadas, você pode olhar para trás e ver apenas uma única trilha se estendendo ás suas costas; ou olhar para frente e ver apenas as trevas.
As vezes, você sonha com os caminhos de Destino e reflete sem propósito algum.
As tilhas divergem-se, ramificam-se e reconectam-se. Dizem que nem mesmo o próprio Destino realmente sabe aonde qualquer caminho há de levá-lo, para onde cada guindada ou mudança de direção apontará.
Porém, mesmo se Destino pudesse lhe dar a resposta, ele não o faria.
Destino guarda bem seus segredos.
O Jardim do Destino, você o reconheceria se pudesse vê-lo.
Afinal, há de perambular por ele até morrer.
Ou até muito depois.
Pois as trilhas são longas e, mesmo na morte, não se encerram."
[Neil Gaiman_ Estação das Brumas: um prólogo_The Sandman, Ed. Definitiva, vol. 2, p. 13]
No dia 28 de fevereiro, depois de um longo período de espera, chegou a minha casa o volume 2 da Edição Definitiva de "The Sandman", quadrinho de sucesso do querido Neil Gaiman. Meu plano secreto era ler ele inteiro durante o Carnaval.


Mas não deu! É muita coisa misturada, mitologia cristã, mitologia nórdica e algumas discussões existenciais sutis do tipo que gritam no seu ouvido coisas como: "PARE E PENSE!". Então, depois de ler "Estação das Brumas" eu cedi ao apelo e parei!


Daqui a uns seis meses volto a Sandman e descubro o que se reflete nos "Espelhos Distantes".

Destino dos Perpétuos e seu livro no qual tudo está escrito!

P.S.: Rafael, será que no Livro de Destino nosso encontro na Páscoa já foi escrito?

9 comentários:

  1. Oi minha linda..
    Eu não acredito que nascemos com um destino prontinho incapaz de ser mudado, não gosto de escutar uma pessoa dizendo "Isso estava escrito em seu destino, então tinha que acontecer"..
    Acredito que nascemos com escolhas e que serão elas que escreverão a nossa história.
    Temos o poder de escolher escrever o nosso próprio destinho.

    Beijo minha linda.. e que seu dia hoje seja mais que especial viu?

    ResponderExcluir
  2. Já ;)
    Quero café. Já to de adiantando logo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se você subir o morro passo um café para você e ainda te ofereço bolo!!! :p

      Excluir
  3. Eu tenho que conhecer Sadman! Sério, não sei como resisto a ele à tanto tempo... mas esta edição definitiva é salgada né, e nem tão fácil de se encontrar.

    Mas eu não sei se concordo com o tio Gaiman nessa, acho que o destino é qualquer coisa, não importa o que faça, chegando lá foi ele, enfim, não há como fugir.

    E bom retorno a leitura - fazem uns dez dias que não consigo ler nada, mas esse tempo é sempre necessário.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu acho um pouco salgadinha sim Luciano. Mas vale cada centavo e o tempo de espera é um prazer ter ela ao alcance das minhas mãos! E o tio Neil é um querido... um dia desses pego de novo em Sandman, mas sei que vai demorar um pouquinho, ainda to digerindo Estação das Brumas e um pouco de ressaca literária por misturar Freud e Sandman é como ter bebido duas coisas fortes juntas kkk

      Excluir
  4. Gosto desta possibilidade de escolhas, de caminhos a escolher. Isto traz responsabilidades e é sempre um desafio.

    ResponderExcluir
  5. Pandora:
    Por coincidência publiquei um post sobre destinos e escolhas.
    Creio que um é consequência do outro.
    Agora tenho uma super novidade!!!
    Assumi o projeto Uma imagem - 140 caracteres e estou aguardando você por lá, ok.
    Veja como funciona nesse link:
    http://meusdevaneiosescritos.blogspot.com.br/2014/03/novidades.html
    Bjs.:
    Sil

    ResponderExcluir
  6. Nem sempre conseguimos ler até o fim.Não gosto de livros pesados. Beijos,tudo de bom, lindo fds! chica

    ResponderExcluir
  7. Acho que eu tbm não conseguiria, pois tem livros que realmente nos grita: PARE E PENSE!! Não gosto de ler no automático, sem parar para pensar. Por isso acho que demoro muito para ler, mas prefiro assim mesmo! Quanto a se ter um destino escrito para cada um de nós, é uma coisa real ou não, eu já não sei, pois vivo me perguntando se seria possível....mas acho que lá no fundo eu prefiro acreditar que quem traça o próprio destino somos nós mesmo.

    xoxo
    http://amigadaleitora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir