quarta-feira, 28 de abril de 2010

Arte Barroca, Pinacoteca de Igarassu...

Atualmente estou em um momento de redescobrir a arte barroca... Fui levada a arte barroca através de uma pesquisa sobre Intelectuais e Artistas afro-brasileiros, nessa pesquisa me deparei com inúmeros artistas barrocos negros, na verdade a maior parte dos artistas barrocos brasileiros eram negros... Mas não é sobre isso que venho falar... 

A questão é que no meio desse frenesi de interesse por arte sacra e por arte barroca que vem tomando conta de mim, não posso ver uma igreja em Recife que já saiu fotografando na cara de pal mesmo (futuramente estarei postando essas imagens por aqui...rsrsrs)!!! E a parte isso, navegando por outros espaços acabei vendo o nome "Pinacoteca", automaticamente lembrei do Museu Pinacoteca de Igarassu, uma preciosidade que o Brasil abriga e que eu visitei...


Caracá, o lugar é show de bola, acho que mesmo quem não gosta de História e esse tipo de coisa se encanta com o clima do lugar, bem estou falando do clima artístico, pq o clima real é bem quente, na época que fui não era climatizado... Os quadros são enormes, expressivos, cheio de cores e claro incrivelmente barrocos rsrsrs...

Assim, acho que eu só entendi a intensidade da arte barroca, verdadeiramente, após essa visita a Pinacoteca, foi uma experiência única, o Santo Olegário te seguindo com o olhar sintetiza o espírito barroco, vc se sente cheio de angústia, pecador, é como se ele te dissesse: "Você pecou!", depois da Pinacoteca tive a oportunidade de visitar outros lugares de memória barrocos e é sempre assim, sempre sou acometida por uma vontade de dizer "Minha culpa, minha máxima culpa!". Vai ver sou sensível aos apelos da arte rsrsrss... Quem me conhece que me compre!!! rsrsrs

Ah, a parte todo o prazer que tive visitando a coleção de quadros de Igarassu, devo confessar, também, que foi uma experiência barata!!! Custou "míseros" R$ 2,00! Por R$ 2,00 eu pude apreciar o quinto maior acervo de arte barroca da América Latina e o oitavo maior  do mundo... uau... incrível, tudo uma questão de informação, de saber que a coisa existe e ir lá ver... deu vontade de chamar minhas colegas de trabalho para irem lá da uma olhadinha nas nossas férias... acho que elas vão topar, com o incentivo certo!

Ah [2], a única imagem dessa Pinacoteca que achei na net foi essa:

Anônimo, Martírio da Virgem Santa Quitéria, século XVIII.
Têmpera sobre madeira, 248 x 166 cm. Arquidiocese de Olinda e Recife,
Convento de Santo Antônio, Pinacoteca de Igarassu.

Mas, achei também um texto no JC Online que por seu conteúdo explicativo também vale a pena ter alguns excertos aqui:

"O centro histórico de Igarassu esconde uma preciosidade que foi descoberta antes pelos turistas que pelos próprios pernambucanos. O convento de Santo Antônio abriga a mais importante Pinacoteca de quadros barrocos da América Latina, um espaço que vem sendo cada vez mais conhecido por portugueses e espanhóis.


Parte integrante do Centro Histórico - que também inclui a igreja dos Santos Cosme e Damião, a mais antiga do Brasil -, a Pinacoteca de Igarassu possui 24 quadros do período colonial brasileiro. São painéis de grandes dimensões, todos do estilo Barroco, feitos a óleo ou em têmpera, estes ainda mais raros. Entre os mais importantes, estão quatro pinturas de 1729 que narram a história de Igarassu. Estas peças pertenciam a Igreja de Cosme e Damião e ilustram a fundação da igreja, um milagre dos santos que aconteceu em Igarassu e foi reconhecido pelo Vaticano, a chegada dos portugueses e a invasão e o saque dos holandeses.


Entre as outras raridades, também há o retrato de Santo Olegário, feito com a técnica de ilusionismo. Quando o observador se move, tem a impressão que o olhar da pintura o está acompanhando. Os quadros da Pinacoteca foram pintados entre os séculos 17 e 18, sendo um do séc. 16. Como a maioria deles eram doados à Igreja, não trazem a assinatura dos pintores. Além dos painéis, o acervo ainda guarda algumas imagens de santos. São oito peças em madeira, restauradas pela Fundação Joaquim Nabuco, no projeto De Volta À Luz, que recompôs uma parte do acervo barroco pernambucano."


Um comentário:

  1. Saudações
    Trabalho com esculturas em medeira, argila, considero como arte barroca, missioneira, se tiveres interesse este é o meu blog
    http://jaherter.blogspot.com

    * Especializado em Barroco Jesuita Missioneiro
    * Esculturas em Madeira
    * Réplica de Obras Sacras
    * Talhado em Madeira
    * Artesanato Típico Missioneiro

    São Miguel das Missões
    PATRIMÔNIO MUNDIAL DA HUMANIDADE

    ResponderExcluir

Esse blog não representa um exercício de escrita, ele é um exercício de memória, de lembranças e esquecimentos. Funciona como uma caixa onde guardo coisas, sinta-se livre para comentar, mas saiba: comentários sem relação com o post serão excluídos por respeito a quem comenta de verdade.