quinta-feira, 15 de novembro de 2012

Do companheirismo do gato!

"O amor é uma companhia.
Já não sei andar só pelos caminhos,
Porque já não posso andar só."
(Fernando Pessoa_Alberto Caeiro)

Eu adoro esses versinhos do Fernando Pessoa, é minha definição de amor favorita... Especialmente porque tem aquele pensamento do Dom Helder Câmara do qual sou adepta até o fim.

"É possível caminhar sozinho. Mas o bom viajante sabe que a grande caminhada é a vida e esta supõe companheiros. Companheiro, etimologicamente, é quem come o mesmo pão."
(Dom Helder Câmara)

E de todas as coisas que eu gosto no terrível, mal humorado, orgulhoso e pouco afeito a chambrego, carinho e derivativos Batatinha é o fato de que ele é um grande companheiro.


Madrugada a dentro, eu no meio de meus papeis sem fim tentando ajeitar as ideias para escrever a dissertação, uma angustia que é difícil demais de mensurar, uma solidão de maltratar a alma... Então o Batatinha vem e escolhe se ajeitar justamente no meio dos meus papeis bem próximo a mim. A câmera estava perto e eu fiz contorcionismo para tirar essa foto de nós dois.

Companheirismo simples, sem muita explicação, sem muita apelação. Coisas que só o Batatinha sabe fazer!

E eu só preciso lembrar de ter cuidado para não ficar de alisadinho, porque ai quebra o clima, o Batatinha detesta alisadinho!

15 comentários:

  1. Batatinha é um nome ótimo, adorei... rs.

    E não tem melhor companhia do que do nosso bichinho de estimação!

    Beijocas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza Dama, não há melhor companhia, eles nos compreendem como ninguém!!!

      Excluir
  2. Sua caixa hoje me deixou curiosa porque eu não sei o que é "para não ficar de alisadinho". Parece bom e eu quero experimentar no meu marido gato.

    ResponderExcluir
  3. Beatriz, alisadinho é ficar de afago, tocando, fazendo carinho, Batatinha não gosta muito que a gente pegue nele, ele é traumatizado de verdade...

    ResponderExcluir
  4. Oi Pandora. Eu adoro gatos. Adoro os felinos todos, sou apaixonada por eles (também adoro lobos, e cachorros - tenho três). Depois que minhas cachorrinhas morreram, eu fiquei um ano sem bichinho de estimação, não queria mais, sofri muito com a morte delas, mas depois desse tempo, senti uma vontade enorme de ter outro bichinho, e pensei em um gato, um gato preto, lindo, como o Batatinha. Tinha até nome para ele: Edgar. Pensei também que, se fosse gata, seria Ligéia.. rs. Você sabe, "Ligéia" é o nome de um dos contos de Poe, o meu preferido e o de Poe também.
    Aí pensei que gatos sobem nas coisas, e eu tenho que trabalhar e deixá- lo sozinho (gatos ficam bem sozinhos) mas ele poderia subir nas coisas e também poderia pular da sacada do prédio, sei de muitas historias assim com gatos. Então arrumei cachorrinhos... rs
    Os animais são uma companhia maravilhosa, incondicional, só querem estar com a gente, e mais nada.
    Bom saber que vc também tem esse carinho e esse reconhecimento pelos animais.

    Adorei a foto! :)

    Desculpe pelo tamanho do comentário.

    "Cheros"... rs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ligéia, desculpar de que? Eu agradeço isso sim!!! Adoro te ver por aqui, é sempre uma boa companhia!!!

      Edgar ou Ligéia seriam nomes adequados a gatos, e sim eu sei da história de seu nome de virtualidade, dois de meus amigos mais queridos (porque sim, eu considero algumas pessoas da net como amigas) são fãs de Poe e vem lá vem cá fazem referencia a esse personagem!

      Cheros.

      Excluir
  5. Pandora que coisa mais linda...
    Primeiro quase morro de rir com o nome do seu patudinho..
    "Batatinha" srrs
    Gente que nome mais fofo.. eu era louca pra chamar o meu gatinho de Paçoca srsr mas as formigas queriam que queriam Dean, aí deixamos Dean..
    O Batatinha é muito lindo... adoro gatinhos pretos assim com algumas partes branquinhas rsrr

    São as melhores companhias durante a madrugada né?
    E o mais gostoso é que eles tem essa mania de virem deitar bem onde estamos usando, como cadernos, folhas soltas, um dia o Dean se deitou sobre o teclado enquanto eu estava no PC srrs

    Você tem mais gatinhos? Ou o Batatinha é o xodózinho da casa?

    Um beijo carinhoso pra você e outro para o Batatinha srsr

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Sheila!!! Aqui nós só temos o Batatinha e a Pichita (cachorra chata rsrs) e já da para ver quem é meu preferido néh?!?! rsrs...

      Excluir
  6. Eu ganhei uma gatinha essa semana, o nome dela é Pêpa, ela tem 2 meses e não fica sozinha um minuto, só quer ficar junto com a gente o tempo todo, eu amo isso nos gatos, as vezes eles dormem desconfortáveis em nosso colo enquanto fazemos alguma coisa, mas preferem isso a ficarem sós.

    ResponderExcluir
  7. O Batatinha tem personalidade forte e sensibilidade também.
    Apoia sem causar, acompanha sem impor, afaga sem prender.
    Muito lindo e compenetrado o teu Batatinha.
    Boa sorte nas finalizações da dissertação.Vai dar tudo certo no final(rs).
    Bjos p'ocês.
    Calu

    ResponderExcluir
  8. Gatos são demais! Eles me fazem muita companhia. Tenho três, mas meu preferido é o Merlin porque ele é um carentão fofo e adora um cafuné. :) As duas gatinhas são chatinhas e temperamentais hehe. Mas eu amo os três!
    Fofo seu gatinho. Pena que não dá pra ver a carinha dele. :/

    Beijo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cadê o post sobre as CLAMP? No meu blog aparece como se você tivesse postado, mas chego aqui e não aparece. =/
      Adoro Sakura e Chobits. =) Esperando o post ansiosamente. ;)
      Beijo

      Excluir
    2. Nadia te respondi por e-mail :)

      Excluir
  9. Oi flor!

    Coisa boa é o carinho e companhia desses bichinhos fofos!

    Eu tenho uma calopsita macho, que baptizei de Pituco e que é minha fofura.

    Beijos

    Selma

    ResponderExcluir
  10. Que deliciaaaa *-* sei como é esse companheirismo *-*

    help-adolecentro.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Esse blog não representa um exercício de escrita, ele é um exercício de memória, de lembranças e esquecimentos. Funciona como uma caixa onde guardo coisas, sinta-se livre para comentar, mas saiba: comentários sem relação com o post serão excluídos por respeito a quem comenta de verdade.